sexta-feira, 26 de abril de 2013

Bagunça boa




Minha vida estava normal até você chegar e bagunça-la. Eu acordava todos os dias às 6 da manha, em um calor fora do normal que minha cidade fazia. Abria os olhos e a única coisa que vinha logo na minha cabeça era o que tinha para o dia. Lembrava-me de todos os trabalhos feitos e os que tinham para acabar. Pensava logo na minha primeira aula de segunda. Resmungava a manha inteira pela Segunda já ter começado. Minha preocupação maior era cumprir as metas do dia. Ficava sempre ligada as horas, em quanto tempo que faltava para a aula chata de física terminar ou quanto tempo faltava para o intervalo.
Meus finais de semana eram badalados. Você sabia disso? Eu não tinha tempo ruim! Qualquer programa eu estava dentro. Mas,no fim da noite, um vazio me corroía.
Aquelas pessoas eram felizes demais – ou disfarçavam muito bem. - Era sorrisos o tempo todo. Troca de carinho – com mais de uma pessoa -.
Eu, por alguns instantes, sentia um pouco de inveja diante daquilo. Eu queria ser feliz assim. Estar de bem com a vida. Deixar os problemas de lado e sorrir. E o melhor: sentir-me cheia.
Cheia de amor,carinho,afeto.
Mas dai, comecei a perceber que os lugares que eu frequentava estavam lotados. Lotados de pessoas vazias. Era muito copo cheio para muito coração vazio.
Então comecei a não ter mais tanta inveja assim. Mas eu deveria parar. Parar de querer encontrar minha alma gêmea na padaria, na faculdade ou em uma balada qualquer. Foi ai que eu parei de procurar. E foi ai que você apareceu.
Apareceu e bagunçou a minha vida.
Comecei a acordar todos os dias, às 6:10 da manha. Esses dez minutos, eram aqueles que você tinha me roubado em sonho. – porque sonhar, já tinha se tornado rotina -.
Ao invés de me preocupar com as horas, eu ficava o tempo todo colada no calendário, decorando todos os feriados possíveis do ano e estudando qual era o melhor para emendar e poder ir te ver, ou você vir me ver.
E, ao invés da minha preocupação ser apenas com o que eu teria que fazer durante o dia, a primeira coisa que eu lembrava quando acordava, era você. E começava a lembrar dos seus sorrisos mais sinceros, do seu olhar, desse seu jeito meio bobo de ser.
E foi ai que eu me perdi. E fiquei perdidamente apaixonada por você.

Ana Cláudia Barbosa.

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Desapegue-se




Tá na hora de começar a desapegar. Desapegar daquilo que não te faz bem.
Sabe aquela pessoa que você acha que gosta de você?
Aquele que te humilha em publico, que te deixa pra baixo e que faz piada de você na roda de amigos? Este cara não te merece.
Ele apenas tenta te deixar inferior diante dele. Isso não é gostar.
Ah, mas ele diz as vezes que te ama e que é louco por você. Joga na sua cara todas as loucuras que já fez  e fica o tempo todo apontando as mínimas coisas que já fez por você. Tenta te mostrar ao máximo o quanto ele é bom pra você, claro ele tem que te mostrar isso. 
Mas em publico, ele te fere, te magoa e te despreza. Mas depois ele tenta mostrar em quatro paredes o quanto ele é bom e o quanto você precisa dele. NÃO. Você não precisa dele. Alias, nunca precisou. Mas o fato de você ser aquela ariana carente, você acha que precisa. Só que na verdade, do que você menos precisa é dele.
Ele não é único no mundo- embora ele te faz perceber inúmeras vezes que é-. Ele só é um cara bobo que não sabe nada da vida e se acha o melhor do mundo.
Tente entender uma coisa. Se você precisa dele para alguma coisa, ele já não é bom pra você. Porque só o fato de você precisar de alguém para qualquer tipo de coisa, já está errado.
As pessoas não precisam uma das outras, elas são boas suficientes por si só, mas você acha que precisa. Menina, você só acha.
Tente sempre não precisar de ninguém. Tente ser sua melhor companhia, seu maior amor.
Tente desapegar de quem você precisa.

Ana Cláudia Barbosa.
terça-feira, 9 de abril de 2013

Playlist: Felicidade- Marcelo Jeneci

Para quem ai nunca escutou.. Tá esperando o que?
Uma das melhores musicas pra mim, é Felicidade,
Voz doce,calma e com uma poesia maravilhosa!!

Confiram :





Felicidade

Marcelo Jeneci

Haverá um dia em que você não haverá de ser feliz
Sentirá o ar sem se mexer
Sem desejar como antes sempre quis
Você vai rir, sem perceber
Felicidade é só questão de ser
Quando chover, deixar molhar
Pra receber o sol quando voltar
Lembrará os dias que você deixou passar sem ver a luz
Se chorar, chorar é vão porque os dias vão pra nunca mais
Melhor viver, meu bem
Pois há um lugar em que o sol brilha pra você
Chorar, sorrir também e depois dançar
Na chuva quando a chuva vem
Melhor viver, meu bem
Pois há um lugar em que o sol brilha pra você
Chorar, sorrir também e dançar
Dançar na chuva quando a chuva vem
Tem vez que as coisas pesam mais
Do que a gente acha que pode aguentar
Nessa hora fique firme
Pois tudo isso logo vai passar
Você vai rir, sem perceber
Felicidade é só questão de ser
Quando chover, deixar molhar
Pra receber o sol quando voltar
Melhor viver, meu bem
Pois há um lugar em que o sol brilha pra você
Chorar, sorrir também e depois dançar
Na chuva quando a chuva vem
Melhor viver, meu bem
Pois há um lugar em que o sol brilha pra você
Chorar, sorrir também e dançar
Dançar na chuva quando a chuva vem
Dançar na chuva quando a chuva vem
Dançar na chuva quando a chuva vem
Dançar na chuva quando a chuva vem


Espero que tenham gostado.
Beijos,

Ana Cláudia Barbosa

Vote em 1 make p/ tutorial

Facebook

Quem sou eu

Minha foto

Ana Cláudia Barbosa & Priscilla Sarmento, amigas que amam moda, cabelo, maquiagem... e que gostariam de compatilhar suas experiencias e descobertas com seus leitores ! :D

Seguidores

Busca

Translate

Seguir por Email

Postagens, TOP 5

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog